Vinhos Casa de Santar

Uma história que acompanha o tempo

Os vinhos Casa de Santar são uma das marcas mais emblemáticas do Dão, fruto da sua história e dimensão e do prestígio e elegância dos vinhos aqui produzidos. São 200 anos de história e tradição que marcam esta propriedade vinícola icónica do Dão.

É em Santar, numa encosta de solo privilegiado e com uma exposição solar única, que se localizam as melhores uvas de Encruzado e de Touriga Nacional, origem de alguns dos vinhos mais elegantes de Portugal.

Os vinhos da Casa de Santar transportam no tempo os valores distintos da sua nobreza, valores que nascem de uma secular paixão pela terra, pelos costumes, pela tradição, preservando a autenticidade das castas colhidas naquela que é hoje a maior vinha contínua da região e que estão na origem de vinhos únicos e inimitáveis.

A propriedade e a adega merecem um passeio adequado: da adega à sala de fermentação com cubas de aço inoxidável, passando pela sala de envelhecimento do vinho, onde os vinhos tintos e alguns brancos descansam em barricas de carvalho francês e onde podemos encontrar o elemento que se destaca na sala, o alambique de cobre incrivelmente antigo..

Mas é na vinha, no Alto dos Amores que encontramos, provavelmente, a mais extraordinária paisagem do Dão. Sabia que era aqui o ponto de encontro dos casais apaixonados da Vila de Santar?

Se, em tempos, a magia desta paisagem servia para conquistar corações, hoje, as uvas que ali nascem servem para conquistar o gosto mais exigente dos apaixonados por vinho. Aqui a natureza une-se ao tempo – o tempo de cada dia, de cada estação, de cada colheita.

Viaje pelas vinhas e adegas de Santar, descubra aqui as experiências de enoturismo que temos disponíveis para si.

Casa de Santar Nobre Tinto

A Casa de Santar, que sempre foi nobre, viu, em 2016, este seu inegável estatuto ser reconhecido com a mais alta distinção que um vinho pode alcançar no Dão: Nobre.

A marca submeteu à aprovação da câmara de provadores da Comissão Vitivinícola da Região do Dão (CVRD) um lote de vinho de 2013, resultante da seleção das 15 melhores barricas de um conjunto de 75 barricas novas e 25 de segundo uso.

Este vinho foi reconhecido como “Nobre”, a mais alta distinção do Dão, que requer a atribuição, no mínimo, de 90 pontos em 100. Nunca um vinho tinto do Dão havia conseguido superar essa barreira e foi a Casa de Santar a primeira a consegui-lo..

Os nossos vinhos